Manuel Cargaleiro->


Manuel Cargaleiro


Pintor e ceramista de grande relevo, Manuel Cargaleiro nasceu a 16 de Março de 1927 em Chão das Servas no concelho de Vila Velha de Ródão.
 
Desde muito cedo ligado à Margem Sul, nos concelhos de Almada e Seixal, Manuel Cargaleiro sentiu desde sempre uma forte vocação para as artes, tendo iniciado a actividade artística na olaria de José Trindade na Caparica em 1945.

Ingressou na faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa no Curso de Geografia e Ciências Naturais, mas acaba por dedicar-se exclusivamente às artes plásticas. Participa numa exposição colectiva em 1949 e apresenta-se individualmente em 1952 no Secretariado Nacional de Informação em Lisboa.

Recebe em 1954 o Prémio Sebastião de Almeida e passa a leccionar cerâmica na Escola de Artes Decorativas António Arroio. Mais tarde parte para Paris e recebe o Diploma d’Honeur de L’aAcademie Internationale de la Ceramique num certame de Cannes.

Conhecido internacionalmente pelo seu trabalho de cerâmica e pintura a óleo, Manuel Cargaleiro tem obras suas em Paris, na estação de metro Champs-Elysées, Antibes Royan, Puy-de-Dome entre outras localidades francesas. Alguns dos seus quadros e peças de cerâmica constam no inventário dos mais importantes museus do mundo, em países como a Bélgica, França, Itália, Suiça, Brasil. Israel, Japão e Estados Unidos.
 
Pela sua mestria e dedicação à arte,  a Câmara Municipal de Almada, por deliberação camarária de 06 de Junho de 1994, decidiu homenagear este ilustre pintor e ceramista, atribuindo-lhe a Medalha de Ouro da Cidade de Almada.